Santificados na Verdade e para a Verdade

cropped-rtu658u.jpg

Peço a Deus a ortodoxia e a disposição para os estudos teológicos dos reformados (para melhor zelar pela Verdade).

Peço a Deus a incansável insistência e teimosia dos arminianos para falar sobre a Verdade (porém com a verdade e coerência da Santa Palavra!).

Peço a Deus o coração animado e missionário dos batistas para mostrar com alegria e entrega a Verdade.

E peço a Deus o coração acolhedor e a coragem de pregar em qualquer lugar dos pentecostais, para fazer valer em minha vida a Verdade…

Cada um tem um pouco (ou muito) de cada um. Uns têm bastante zelo e pouca missão. Outros têm muita missão, mas pouca doutrina. Uns têm muita alegria e louvor, mas pouca missão e zelo doutrinário. Outros já têm um bom equilíbrio em todas essas coisas e vão muito bem…

Mas, cada um, com determinadas porções de cada um, compõe aquilo que a gente chama de Igreja, o Corpo, a presença e a Vida do Senhor anunciada através da minha vida e da sua vida.

Acima de todas as diferenças, a VERDADE deve ser defendida, pregada e evidenciada por todos aqueles que são de Cristo! Até que Cristo volte, estaremos separados por alguns pontos divergentes em nossas teologias. Contudo, jamais distantes em amor, respeito e parceria. Muitos têm seguido caminhos distantes da Verdade. Uns talvez seguirão seus próprios caminhos, mas a Igreja do Senhor está unida pela Verdade e a Verdade é o nome do Senhor que nos resgatou e está registrada na Bíblia que carregamos.

Um abraço carinhoso a todos!

“Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.
Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade. E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão de crer em mim; Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos um. Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim” (João 17:17-23).

biblia14